terça-feira, 9 de abril de 2019

PRESIDENTE DO HOSPITAL SÃO VICENTE DE PAULO TENTA FRAUDAR EPIDEMIA DE DENGUE EM BOM JESUS DO ITABAPOANA PRO HOSPITAL RECEBER INSUMOS DO GOVERNO DO ESTADO

Na tarde de quinta-feira (04/04) ocorreu uma reunião na sede da secretaria municipal de saúde, se fazendo presente o secretário, dez vereadores, Pavan-misterioso e alguns funcionários da SMS e do hospital...

...a reunião foi uma iniciativa de alguns vereadores da base governista para tratar de diversos assuntos relacionados ao sistema de saúde, como os casos de dengue e a precariedade no atendimento do PU nos plantões noturnos.

Quando o assunto chegou na dengue, em dado momento Pavan-misterioso sugeriu ao secretário Edison Neto que este decretasse fraudulentamente uma situação emergencial apontando epidemia de dengue, para assim o hospital receber insumos do governo do estado em caráter emergencial...

...ocorre que, para o secretário de saúde decretar situação emergencial em virtude de uma epidemia de dengue, teria que termos CONFIRMADOS no mínimo trezentos casos, e atualmente não temos sequer cinquenta casos confirmados, e outros sessenta casos notificados que ainda dependem de confirmações, segundo informações extraoficiais.

Estarrecedor para os contribuintes bom-jesuenses, é saber que diante da proposta de se praticar uma fraude estavam presentes dez vereadores, e somente um deles se posicionou contrário junto com o secretário, e o pior, um dos vereadores defendeu a proposta de Pavan-misterioso...

...oito vereadores que se calaram, não se manifestaram diante desse escárnio proposto pelo diretor do hospital...

...que ainda tentou pressionar o secretário a decretar a fraude, recebendo de Edison Neto uma dura reprimenda, faltando pouco colocar Pavan-misterioso para fora do gabinete.


Fonte: Blog do Frederico

Nenhum comentário:

Postar um comentário